quinta-feira, 31 de dezembro de 2009

Feliz 2010!!!! Um ano repleto de prosperidade e paz!!!!


Com muito orgulho que chegamos ao final de 2009. Foram quase 600 POSTAGENS EM 4 MESES, não sei se pode ser considerado um recorde, mas uma grande marca alcançada por um blog lançado para ser um veículo de informação extra a todos que tenham interesse no tema Turismo, a famosa indústria sem chaminés. Aos 2, 3 ou 4leitores meus sínceros e queridos votos de felicidades.

Que em 2010 você pode passar por aqui que notícias sobre o Turismo no Mundo, no Brasil e princilpamente no Piaui não irão faltar, que em especial as do nosso Estados sejam de novos investimentos, de profissionalização e de superação sempre buscando a melhoria da qualidade do serviços e acima de tudo a competividade diante dos outros Estados do Nordeste e porque não do Brasil.

Um Feliz 2010!!!!! A todos que nos acompanham. Um Ano Novo cheio de paz, amor, saúde e que seus sonhos sejam realizados.

Em 2010 contamos com sua leitura e seus comentários!!!

Ismailon Moraes

"Olá, Turista!" inscreve profissionais a partir do dia 2


Taxistas, recepcionistas, garçons, balconistas, mensageiros, profissionais que atendem diretamente os turistas têm a oportunidade de aprender que se comunicar bem com eles não é nenhum bicho de sete cabeças. O "Olá, Turista!", uma parceria do Ministério do Turismo com a Fundação Roberto Marinho - oferece, a partir de 2 de janeiro, cursos online gratuitos de inglês e espanhol desenvolvidos com foco no atendimento ao turista estrangeiro, visando à Copa de 2014. Os interessados devem solicitar diretamente à sua associação ou sindicato – que deverá estar devidamente cadastrado no programa - a sua senha de acesso ao portal Olá, Turista! para realizar a inscrição, que é gratuita, e iniciar o curso.

Mais de 100 mil vagas foram solicitadas, por mais de seiscentas associações do trade turístico. O curso é composto de três módulos – básico, regional e profissional -, que poderão ser concluídos em um período de até dez meses, conforme a disponibilidade do profissional. Aqueles que concluírem os módulos receberão um certificado.

O programa "O Olá, Turista!" será implementado durante o ano de 2010 em seis cidades-sede da Copa de 2014: Rio de Janeiro, Salvador, Manaus, Recife, Fortaleza e São Paulo. Trata-se da primeira ação concreta do Ministério do Turismo para a capacitação profissional motivada pelo mundial de 2014. O objetivo é envolver o setor turístico e a população brasileira numa ampla campanha de aprimoramento do receptivo turístico.

A English Town é responsável pela plataforma e pelo módulo básico do Olá, Turista!. A Fundação Roberto Marinho desenvolveu, junto a consultores, os módulos específicos

fonte:http://www.jornaldeturismo.com.br/noticias/governo/30110-olaturistainscrevejaneiro.html

Ismailon Moraes

MTur lança manual para orientar profissionais sobre diversificação


O Brasil da natureza, do povo, da alegria, do clima, da modernidade e da cultura viva. Cultura expressa pelas mãos dos artesãos; embalada pelas manifestações culturais; e alimentada pela culinária típica de um país que se prepara para receber os 500 mil turistas estrangeiros esperados para a Copa do Mundo de 2014. De olho nesse público e na necessidade de agregar maior competitividade aos produtos e serviços turísticos brasileiros, o Ministério do Turismo, em parceria com o Sebrae (Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas), e apoio da ACG (Associação de Cultura Gerais), lançará um Manual de Integração de Produção Associada ao Turismo. O objetivo é orientar empreendedores locais das áreas de artesanato, gastronomia, manifestações culturais e agroindústria sobre como diversificar a oferta turística por meio da formatação de novos produtos com qualidade e identidade regional.

Segundo pesquisa encomendada pela Embratur, onde foram ouvidas 2,4 mil pessoas de 27 países, 57% dos estrangeiros que visitaram o Brasil desejam voltar para a Copa. A ideia é formatar produtos para fidelizar ainda mais esse turista.

O manual será aplicado em destinos do entorno das cidades-sede da Copa de 2014. Entre os municípios contempladas estão: Novo Airão (AM), Mata de São João (BA), Aquiraz (CE), Rota Norte – Planaltina, Sobradinho e Paranoá (DF), Sabará (MG), Nossa Senhora do Livramento (MT), Gravatá (PE), Campo Largo (PR), Nova Friburgo (RJ), Ceará Mirim (RN), Viamão (RS), Holambra (SP). Os destinos foram indicados pelas Secretarias Estaduais de Turismo e selecionados por técnicos do MTur, que utilizaram como critérios a localização de até 160 km da capital e a existência de produção associada ao turismo relevante e diversificada.

Profissionais locais dos setores cultural e de agronegócios, representantes de agências de viagem, associações de meios de hospedagem e de bares e restaurantes e da área de gestão pública serão indicados pelas Secretarias ou Órgãos de Turismo Municipais e pelas unidades dos Sebrae para participarem de capacitação.

No início do próximo ano, os técnicos de cada destino participarão de workshop e visita técnica a dois destinos referência: Espírito Santo (Boas Práticas em Agronegócios) e Minas Gerais (Boas Práticas em Artesanato e Manifestações Culturais). Ao final da capacitação, os profissionais desenvolverão novos produtos com base no manual, no workshop e na visita técnica. Os produtos serão divulgados em folders de cada destino.

fonte:http://www.jornaldeturismo.com.br/noticias/governo/30114-mturmanualdiversificacao.html

Ismailon Moraes

MTur lança cartilha para acompanhamento, fiscalização e avaliação de convênios


O Ministério do Turismo, por meio da Secretaria Nacional de Políticas de Turismo, acaba de lançar uma cartilha de monitoramento de convênios. O objetivo do documento é ilustrar de maneira simples e objetiva, os procedimentos que devem ser adotados pelos servidores do MTur na fiscalização dos recursos públicos federais disponibilizados, de maneira a garantir transparência e sua correta aplicação.

Para orientar os servidores, a cartilha oferece inúmeras informações como órgãos de controle, legislação, fiscalização, procedimentos, classificação de eventos, eventos temáticos, eventos de apoio à comercialização, eventos geradores de fluxo turísticos, alocação de recursos e deveres dos fiscais.

Apenas os servidores ocupantes de cargos em comissão e servidores concursados, designados e cadastrados como fiscais no Siconv podem exercer a função fiscalizatória. Isso ajuda a combater a improbidade, negligência e omissão, mas serve, essencialmente, para fortalecer a gestão de recursos públicos, beneficiando a sociedade e prevenindo irregularidades.

O documento alerta, ainda, para como os servidores devem abordar os parceiros conveniados, bem como indumentária, comportamento e atitude, prezando pelo espírito de cooperação e promoção de soluções.

fonte:http://www.jornaldeturismo.com.br/noticias/governo/30116-mturcartilhaconvenios.html

Ismailon Moraes

Hotelaria de Pernambuco fecha o ano com 85% de ocupação


“Repetimos e ampliamos os resultados bem sucedidos de 2008. Chegamos à ocupação anual próxima dos 85% em todas as regiões do Estado. Mas, o mais importante é o real incremento nas diárias médias e no faturamento hoteleiro que em algumas unidades chegou ao crescimento de mais de 60%” diz José Otávio de Meira Lins, Presidente da ABIH-PE.

“O horizonte é azul e o mais importante é que continuaremos a pleno vapor, carregados com o sucesso do turismo de negócios, de eventos e o retorno firme do turismo de lazer baseado na nossa riqueza cultural“ complementa José Otávio.

Seja no Litoral Sul, na Capital e no interior as pesquisas da ABIH-PE comprovam um réveillon com quase 100% de ocupação, um mês de janeiro e um Carnaval que prometem superar os dos anos de 2008 e 2009.

fonte:http://www.jornaldeturismo.com.br/noticias/nordeste/30117-pernambucoocupacaohoteleira2009.html

Ismailon Moraes

Lula anuncia investimentos no setor de turismo para a Copa


Os investimentos para a Copa do Mundo 2014 no Brasil estão perto de sair do papel. O presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, fará, no próximo dia 13 de janeiro, o lançamento oficial de linhas de crédito voltadas para a hotelaria e apresentará projetos para obras de mobilidade urbana e construção de arenas esportivas. O objetivo é preparar as sedes para a realização do evento.

Os financiamentos serão realizados junto ao BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social). Serão duas linhas de crédito para a reforma e modernização do parque hoteleiro atual e ampliação da rede nas 12 sedes da Copa.

“É um grande avanço e uma oportunidade de enfrentar o problema da hotelaria com sustentabilidade econômica, pesando no futuro, após o evento, e no salto de qualidade do setor,” afirma o ministro do Turismo, Luiz Barretto, que estará presente na cerimônia, juntamente com governadores e prefeitos das cidades que sediarão jogos da Copa.

A apresentação dos projetos para mobilidade urbana e construção das arenas será o pontapé inicial nos investimentos para a Copa, cobrança constante do trade turístico nacional. O valor previsto do primeiro pacote de investimentos em mobilidade é de R$ 8 bilhões. O BNDES deverá disponibilizar cerca de R$ 4,8 bilhões, em financiamentos para a construção das arenas.

Segundo o ministro, outros assuntos urgentes serão tratados, como a infraestrutura aeroportuária e a questão dos portos. Barretto afirma que, ainda no 1º trimestre de 2010, quase todos os temas terão o planejamento definido e as obras serão iniciadas. “Tudo isso será feito com muito planejamento e parceira. A contribuição do Poder Publico deverá caminhar junto com a iniciativa privada”, garantiu.

fonte:http://www.jornaldeturismo.com.br/noticias/destaques/30124-lula-copa.html

Ismailon Moraes

Capitais brasileiras avançam na capacidade empresarial


A capacidade empresarial das capitais brasileiras é destaque no estudo que avalia a competitividade dos destinos turísticos do país. Elas receberam a maior nota (78,1) neste indicador entre os 13 avaliados e superaram as médias do Brasil e das não capitais na pesquisa realizada pela FGV (Fundação Getúlio Vargas) por solicitação do Ministério do Turismo e Sebrae Nacional.

No estudo de competitividade dos 65 destinos Indutores do Desenvolvimento Turístico Regional 2009 as capitais atingiram o nível 4 na capacidade empresarial, em uma escala de 1 a 5. Isso significa que estão nas condições adequadas para a atividade turística. Em 2008, a nota foi 72,1 no mesmo nível.

Neste indicador foram analisadas quatro variáveis: capacidade de qualificação e aproveitamento do pessoal local; presença de grupos nacionais e internacionais do setor de turismo; concorrência e barreiras além de presença de empresas de grande porte, filiais ou subsidiárias.

O estudo de 2009, divulgado em 8 de dezembro, é o segundo da série iniciada em 2007. Resulta da pesquisa de campo realizada pela FGV entre abril e outubro deste ano. O primeiro levantamento foi apresentado no ano passado com dados apurados no final de 2007 e início de 2008

fonte:http://www.jornaldeturismo.com.br/noticias/brasil/30115-capiataiscapacidadeempresarial.html

Ismailon Moraes

Paulista espera 2 milhões em show de fogos e música


O Metrô e os trens da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM) são as melhores alternativas para quem pretende passar o réveillon na Avenida Paulista. Para transportar cerca de 2 milhões de pessoas que devem participar da festa a partir da 20h30 de hoje, os dois sistemas estenderão o horário de funcionamento até a madrugada de amanhã. A estação Trianon-Masp, da Linha 2-Verde, porém, será fechada às 19 horas de hoje e reaberta às 4h40 de amanhã.

A cantora Pitty será a primeira a se apresentar. Na sequência, sobem ao palco de 800 metros quadrados Dudu Nobre e Maria Rita. O show de Edson e Hudson está marcado para as 23h10. A dupla sertaneja, que será desfeita amanhã, promete uma surpresa. Ela deixa o palco minutos antes da queima de fogos, que terá duração de 15 minutos. Aliás, a organização do evento promete 100 mil tiros de morteiro e 6 mil bombas multicoloridas. Para colorir mais a festa, serão lançados 5 milhões de confetes metalizados.

Martinho da Vila será o primeiro a se apresentar no primeiro dia de 2010. Depois é a vez dos irmãos Kiko, Leandro e Bruno, do KLB, cantarem sucessos dos Beatles. O encerramento ficará sob responsabilidade da escola de samba Mocidade Alegre - campeã do carnaval de 2009. Cada show terá duração de aproximadamente 40 minutos, segundo a organização.

Para garantir a segurança de quem vai participar da festa, a Polícia Militar terá efetivo de 1.550 homens na região da Paulista. Desses, 1.200 estarão na extensão da avenida. O restante ficará disposto nos arredores e próximos às estações de metrô "para evitar que exaltados arrumem confusão no fim da festa", afirma o coronel da PM Marcos Roberto Chaves da Silva, comandante de policiamento da região central. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

fonte:http://viagem.uol.com.br/ultnot/agencia/2009/12/31/ult4597u1050.jhtm

Ismailon Moraes

Réveillon do Rio tenta sintetizar euforia olímpica


Os organizadores do réveillon de Copacabana encaram um desafio a mais para a festa que deve reunir hoje cerca de 2 milhões de pessoas na Avenida Atlântica: mostrar a euforia que o Rio vive desde que a cidade foi escolhida como sede dos Jogos Olímpicos de 2016. A ambição do organizador da festa, o americano Scott Givens, especialista em megaespetáculos, como aberturas de Olimpíadas, é traduzir em fogos e música o otimismo dos cariocas.

Copacabana também comemora a ocupação de suas favelas pela Unidade de Polícia Pacificadora, que mantém os traficantes longe. No asfalto, para garantir a segurança, vão ser usadas até câmeras com tecnologia israelense, capazes de gravar a movimentação das pessoas mesmo na escuridão. O espetáculo, que vai consumir R$ 17 milhões, terá pela primeira vez um sofisticado sistema de som distribuído em 50 torres ao longo dos quatro quilômetros da praia. A expectativa é que do Leme ao Posto Seis, todo mundo ouça a contagem regressiva e a trilha sonora criada por Antonio Pinto para acompanhar os 15 minutos de fogos de artifício. Serão 16 toneladas de fogos disparados de nove balsas espalhadas no mar.

O público vai escolher entre dois palcos com shows a partir das 18 horas, reunindo 24 artistas. No palco principal, em frente ao Hotel Copacabana Palace, haverá Paralamas do Sucesso, com participação de Carlinhos Brown, às 20h05. Em frente à Rua Santa Clara, estarão Ed Motta e a banda Blitz. Para chegar a Copacabana, as melhores opções são ônibus, táxis e metrô. Para o metrô, é preciso ter o bilhete especial a partir das 19 horas. A passagem de ida e volta custa R$ 4,50 e deve ser comprada antes nas estações Central, Carioca, Largo do Machado, Del Castilho e Botafogo. Carros não entram no bairro a partir das 18 horas. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

fonte:http://viagem.uol.com.br/ultnot/agencia/2009/12/31/ult4597u1049.jhtm

Ismailon Moraes

Réveilllon de Fortaleza reunirá 1 milhão de pessoas na praia de Iracema


O aterro lotado no último réveillon no momento dos fogos!

Contagem regressiva para o réveillon de Fortaleza. O aterro da praia de Iracema vai receber grandes nomes da música brasileira e será palco de um show de fogos de 16 minutos de duração.

Shows musicais
Aterro da Praia de Iracema:
19h – Abertura com show de Waldonys
20h – Dado Villa-Lobos e Marcelo Bonfá
22h – Zeca Pagodinho
00h – Show Piromusical com 16 minutos de duração e efeitos especiais
00h30 – Margareth Menezes
02h30 – Forró do Muído

Barra do Ceará (Polo de Lazer):
20h30 – Dona Zefa
22h30 – Paulo José
00h – Queima de fogos, com 07min de duração
00h15 – Grupo Simbora

Conjunto Ceará (Polo de Lazer, na Av. Central):
20h30 – Ítalo e Renno
22h30 – Caninana do Forró
00h – Queima de fogos, com 07min de duração
00h15 – Forró de Taipa

Messejana (Lagoa de Messejana):
20h30 – Chico Pessoa
22h30 – Pingo de Fortaleza
00h – Queima de fogos, com 07min de duração
00h15 – Banda Skema

Queima de fogos
O espetáculo pirotécnico musical na praia de Iracema terá 16 minutos. A novidade este ano será a explosão de 130 bombas aquáticas. Os fogos serão disparados de 13 pontos e de forma sincronizada, criando um espetáculo de luz e música.E, nas festas em outros três bairros da capital, os shows pirotécnicos também acontecem, cada um com sete minutos de duração. No total, serão utilizadas 24 toneladas de fogos.

fonte:http://roteiroceara.uol.com.br/vemprafortaleza/reveilllon-de-fortaleza-reunira-1-milhao-de-pessoas-na-praia-de-iracema/

Ismailon Moraes

APAGÃO no litoral do Piauí pode prejudicar festa de reveillon


TODO DIA FALTA ENERGIA e turistas temem que o problema ocorra justamente na hora da virada Iluminação das praias no litoral do PI. Desde o início desta semana é grande a movimentação no litoral do estado. Nesta quinta-feira, último dia do ano de 2009 (31/12), espera-se por uma verdadeira multidão nas praias de Parnaíba, Luís Correia e outras cidades litorâneas. A quantidade de eventos marcam o reveillon nesta noite. No entanto, uma reclamação é unânime entre os turistas: apagão!

Todo dia falta energia nas cidades do litoral do estado e os turistas temem passar o momento da virada do ano de 2009 para 2010 no escuro. Na noite passada, de quarta-feira, por exemplo, foi um verdadeiro Deus nos acuda. Faltou energia em Luís Correia e em Parnaíba, municípios a cerca de 350km ao Norte de Teresina. Quem foi curtir festas se deu mal!

"Eu saí de Luís Correia a noite com um grupo de amigos para curtir as festas na boate Trilhus, em Parnaíba (cidades próximas). Ia ter um show lá, da banda Tribales e outras. Mas quando chega, tudo escuro. Um monte de jovens ficou sem ter pra onde ir e nada de festa. Tivemos que voltar porque disseram que ia ter festa no Carlitus Bar, na Praia de Atalaia. Nada! Quando chega está tudo escuro de novo. Eu fiquei foi com vergonha, porque tinha uns primos do Ceará e ficaram foi sorrindo de mim dizendo assim: "Que turismo é esse no nteu estado"", reclamou o estudante de Publicidade Augusto César.

A Cepisa alega que o problemaa da falta de energia se deve às chuvas dos últimos dias, que queimou alguns transformadores. É um problema que ocorre todo ano. Os turistas sempre reclamaram da falta de estrutura das praias do litoral do Piauí. Mas a Cepisa garante que neste dia 31 de dezembro, último dia do ano, o apagaão não vai se repetir. Doze bares da orla da praia de Atalaia confirmaram que irão abrir esta noite. A Prefeitura de Luís Correia garante também que uma nova iluminação na praia vai garantir uma boa festa de fim de ano. Além da ilumunação especial de 30 novos holofotes voltados para a praia, foi solicitada segurança para a Polícia Militar.

fonte:http://180graus.brasilportais.com.br/geral/apagao-no-litoral-do-piaui-pode-prejudicar-festa-de-reveillon-278628.html

Ismailon Moraes

quarta-feira, 30 de dezembro de 2009

Turistas pagam R$ 250 para Réveillon em laje de favela de Copacabana


Seis policiais armados com fuzis estão na rua de entrada da favela Pavão-Pavãozinho, em Copacabana, na zona sul do Rio. Ao lado do veículo da Polícia Militar, o argentino Fernando Froy, 40, exibe uma camiseta com o texto: "The First Réveillon - Festa na Laje 2010".

Ele e outros 13 turistas vão pagar R$ 250 para passar a virada numa das lajes da favela, "pacificada" recentemente --o governo do Rio instalou lá, no último dia 23, uma Unidade de Polícia Pacificadora, posto policial implantado em favelas onde o tráfico foi desarmado.

Moradora da favela Pavão-Pavãozinho na laje onde haverá a festa para turistas
"Me parece fabuloso estar no Rio neste momento de integração", dizia o turista argentino ontem. "Não temo os policiais e acho que a própria comunidade já está entendendo e aceitando a pacificação."

Ele conta que, quando um helicóptero foi derrubado por traficantes no morro dos Macacos, em novembro, "amigos estrangeiros ficaram preocupados e temiam que o Rio ficasse perigoso até o Réveillon".

"Eu expliquei sobre a pacificação e disse que as pessoas da favela são normais, fazem as mesmas coisas que nós. Não há diferenças", afirma ele, que atualmente se divide entre Ipanema e Palermo, bairro nobre de Buenos Aires.

À tarde, o argentino acompanhou o empresário Daniel Plá, que organiza a festa com uma agência de turismo, até a laje no Pavão-Pavãozinho. É preciso subir 300 degraus até a casa de Azelina Viana da Silva, 76, moradora da favela há 60 anos.

Merendeira aposentada de uma escola em Copacabana, Azelina tem preparados cerca de 400 salgadinhos para receber os turistas na virada. Vizinhos do morro e parentes do subúrbio também levarão quitutes à ceia dos estrangeiros.

Desde que conseguiu trocar as telhas pelo concreto da laje, há cinco anos, Azelina convida os amigos para assistir à virada de lá. É a primeira vez que abre a casa a estrangeiros. "Tudo mudou, minha filha. Quando cheguei aqui, não tinha prédio, não tinha fogos. Era só Iemanjá", lembra a aposentada.

A ceia dará direito a espumante, refrigerante e caipirinha --cerveja, na opinião de Azelina, seria um risco: "Aqui é muito alto! Não pode ficar bêbado, não".

Dos 30 ingressos disponibilizados pela agência Ipanema 4 Travel, 14 estão vendidos. O projeto, aliás, é ter 40 lajes do morro para a virada do ano que vem.

fonte:http://www1.folha.uol.com.br/folha/cotidiano/ult95u672733.shtml

Ismailon Moraes

Opções para quem fica em Teresina no Réveillon


Quem vai ficar na capital do Piauí na virada do ano já sabe que boa parte dos teresinenses viaja para o litoral ou outras cidades praianas em estados vizinhos, por isso a cidade fica com cara de ressaca e as opções de festas para quem fica são reduzidas, mas há.

O Acessepiauí preparou um roteiro de boates, hotéis e bares que vão realizar programação para esperar o ano novo. Confira:

Rio Poty Hotel
Réveillon com banda Morena Cajuína
Individual: R$ 70
Buffet de comidas, água e refrigerante
Reservas: 4009 4000

Boteco
Réveillon com Sara Rejane e Marquinhos do Pará
Buffet de comidas, água, refrigerante e caldo de carne ao amanhecer
Individual: R$ 65, mesa R$ 260 (4 pessoas) e R$ 390 (6 pessoa)
Spazio
Leo Cachorrão e Forró Mexido, Anderson Rodrigues (axé) e DJ The Black
Ingresso R$ 20 (homem) R$ 15 (mulher)

Restaurante Baruc
Buffet Completo, água, refrigerante, caldos
Banda (ainda não confirmada) depois da virada, baile de máscaras
Individual: R$ 70
Reservas: 32330710

Super 8
Boate funcionará no Réveillon (bandas ainda não confirmadas)
Individual: R$ 15 (mulher) e R$ 20 (homem)

El Pancho
Réveillon com bandas e DJs

Coco Bambu
Restaurante abrirá para Réveillon
Não há necessidade de reservas
informações: 3232.8100

Favorito Churrascaria
Buffet, água e refrigerante
Individual: R$ 100

fonte:http://www.acessepiaui.com.br/entretenimento/garimpamos-as-op-es-para-quem-fica-em-teresina-no-r-veillon/8914.html

Ismailon Moraes

Praia de Atalaia ganha iluminação neste final de ano





Ismailon Moraes

Banho de mar é única atração do Réveillon em Luís Correia


O local mais procurado pelo turista piauiense no final do ano é sempre o município de Luís Correia, a 338 km de Teresina. A cidade costuma receber, em média, cerca de 80 mil turistas durante as festas de final de ano. Agora em 2009, o litoral espera um público maior, algo em torno de cem mil visitantes. Mas não há atrações musicais previstas para animar a virada de ano nas praias em Luís Correia. "Nossa atração maior será mesmo o tradicional banho de mar", disse Alcides Filho, secretário municipal de Turismo de Luís Correia.

De acordo com a prefeitura de Luís Correia, o turista não encontrará na praia bandas tocando forró ou axé, terá a sua disposição na praia de Atalaia, o tradicional banho de mar. De acordo com o secretário de Turismo, Alcides Filho, a praia estará completamente iluminada, com segurança roforçada e terá queima de fogos. “Na noite do dia 31, a natureza vai colaborar com o espetáculo. A maré vai estar baixa e a lua linda e o turista poderá fazer o tradicional banho de mar, será o Lual 2010", enfatizou.

O presidente da PIEMTUR, Patrocínio Paes Landim, informou que mais um ano o governo optou em só fazer a tradicional queima de fogos porque "infelizmente o projeto de revitalização da praia de Atalaia não foi concluído".

Réveillon

Para se divertir dançando durante o Réveillon, o turista terá que "meter a mão no bolso". A iniciativa privada vai oferecer várias festas na virada do ano. O complexo Barramares, o Sesc Praia e o Aimberê Resort vão oferecer aos visitantes festas com shows de forró, axé e muitas outras atrações musicais.

fonte:http://www.portalaz.com.br/noticias/municipios/151188_banho_de_mar_e_unica_atracao_do_reveillon_em_luis_correia.html

Ismailon Moraes

Mergulho na praia do Pecém revela trechos da história


Pouca gente sabe, mas o Ceará é também paraíso de mergulhadores | foto: Divulgação

A 60 quilômetros de Fortaleza, um navio inglês abatido durante a Segunda Guerra Mundial pelos alemães chama a atenção de quem adora mergulhar. Pouco se fala sobre esse fato, que colocou a cidade de Pecém na história.

São 117 metros de barco – que carregava carvão mineral e afundou em 1943, bombardeado durante a II Guerra Mundial – a serem explorados a pouco menos de 60 quilômetros da costa. O mergulho é para os mais experientes e revela diversas cores e espécies, como o bijupirá, um arisco peixe que se assemelha ao tubarão.

Mesmo para quem ainda não está acostumado com as águas mais profundas, o Ceará não costuma desapontar. Uma boa alternativa são as piscinas naturais de Flexeiras, em Trairi. As águas claras cheias de vida marinha são uma atração que vale a pena conhecer de perto.

fonte:http://roteiroceara.uol.com.br/vemprafortaleza/mergulho-na-praia-do-pecem-revela-trechos-da-historia/

Ismailon Moraes

Cruzeiros sintetizam chegada da classe C ao turismo


Nada sintetiza melhor a democratização no turismo no Brasil do que a atual febre dos cruzeiros marítimos. Nos últimos dez anos, cresceu exponencialmente a oferta de passeios em navios que chegam à costa brasileira. Na temporada de verão 2009/2010, 18 embarcações aportam no litoral, oferecendo cerca de 600 mil lugares.

"Cruzeiro é a bola da vez", resume Guilherme Paulus, presidente do Conselho de Administração da CVC, que nesta estação disponibilizou 120 mil vagas em quatro transatlânticos de grande porte, que até março se revezam em viagens pelo litoral brasileiro. "A temporada brasileira coincide com o inverno no Hemisfério Norte, quando os navios ficam ociosos e as companhias marítimas os deslocam para a América do Sul, que se consolida como um forte mercado emergente", diz Paulus.

Ele explica que o câmbio favorável e o sistema "all inclusive", onde o consumo de alimentos e bebidas, inclusive alcoólicas, é incluído no preço dos pacotes, tornou essas viagens bastante acessíveis. Um cruzeiro de três noites pelo litoral paulista e fluminense sai por cerca de US$ 530. O mais caro da atual temporada, um cruzeiro de réveillon com duração de sete noites custa a partir de US$ 1.833. Tudo parcelado em dez prestações.

Muitos dos que aproveitam os pacotes viajam pela primeira vez. Alguns atravessam o País para a inédita viagem em um navio. Boa parte faz grande esforço para embarcar a família inteira e deve passar o ano pagando as prestações. "Noventa por cento dos passageiros que embarcam em um cruzeiro são marinheiros de primeira viagem", confirma Paulus

fonte:http://www.jornaldeturismo.com.br/noticias/transportemaritimo/30080-cruzeiros-sintetizam-chegada-da-classe-c-ao-turismo.html

Ismailon Moraes

Atrativos turísticos melhoram índice de competitividade de municípios do interior


Os “atrativos turísticos” são o diferencial das não capitais que integram os municípios trabalhados pelo Ministério do Turismo para adquirirem padrão internacional de qualidade. Foi neste indicador que eles receberam a maior nota (60,2) e superaram a média do Brasil e das capitais no estudo que mede a competitividade dos 65 destinos indutores do desenvolvimento regional.

A dimensão Atrativos Turísticos examinou quatro variáveis: atrativos naturais, culturais, eventos programados e realizações técnicas, científicas e artísticas. O resultado de 2009 também superou o do ano passado, quando a nota atingida pelas não capitais nesta dimensão foi 59,3, numa pontuação de 0 a 100.

Ouro Preto (MG) obteve a maior nota entre as não capitais avaliadas neste indicador e foi premiada pelo MTur no dia 8 de dezembro. “A dimensão Atrativos Turísticos é uma das mais importantes na determinação da competitividade de um destino”, destaca o Relatório Brasil 2009 do Estudo de Competitividade dos 65 Destinos Indutores do Desenvolvimento Turístico Regional, elaborado pela Fundação Getúlio Vargas por iniciativa do MTur e Sebrae Nacional.

O relatório 2009 é o segundo da série iniciada em 2007 com dados de pesquisa de campo realizada pela FGV entre abril e outubro deste ano. O primeiro levantamento foi divulgado no ano passado, com dados apurados no final de 2007 e início de 2008. O documento representa o marco zero para medição do índice da competitividade dos 65 destinos.

fonte:http://www.jornaldeturismo.com.br/noticias/governo/30090-atrativosturmunicipiosinterior.html

Ismailon Moraes

Desembarques em voos internacionais crescem 7,8% em novembro


O número de passageiros que desembarcaram no Brasil em voos internacionais é 7,88% maior do que o mesmo período do ano passado – o que faz com que novembro seja o segundo maior mês de crescimento em desembarques internacionais no Brasil de 2009.

No acumulado do ano - de janeiro a novembro - o Brasil registrou o desembarque de 5.906.661 de passageiros em voos internacionais – 1,2% a menos que o mesmo período de 2008.

Do total, 551.520 desembarques foram em vôos regulares e 12.436 chegadas em vôos não regulares (charters). Os dados divulgados pela Infraero consideram os visitantes estrangeiros que entram no Brasil e turistas brasileiros em retorno ao País.

fonte:http://www.jornaldeturismo.com.br/noticias/brasil/30086-desembaruqeinternacnovembro.html

Ismailon Moraes

Desembarques domésticos batem recorde anual


Os desembarques domésticos bateram novo recorde anual, antes mesmo da divulgação dos resultados de dezembro. O total de passageiros que voaram de janeiro a novembro é de 50,5 milhões. Superior aos 50 milhões registrados em todo o ano passado e em 2007, até então o melhor ano da série histórica.

“O resultado de novembro indica que poderemos chegar ao final do ano com mais de 55 milhões de desembarques. É a comprovação da força do mercado interno, cujo estímulo vem sendo trabalhado pelo Ministério do Turismo ”, afirma o ministro do Turismo, Luiz Barretto.

Em relação ao mesmo período do ano passado, a movimentação nos aeroportos brasileiros cresceu 13,74%. Foram 44,4 milhões de desembarques de janeiro a novembro de 2008. Se o termo de comparação for novembro, o crescimento é de 33,%. O mês fechou em 5,13 milhões de passageiros desembarcados, contra 3,86 milhões no ano passado.

Os números de dezembro serão divulgados no final de janeiro. Os dados relativos aos desembarques domésticos e internacionais são apurados pela Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero).

fonte:http://www.jornaldeturismo.com.br/noticias/aviacao/30087-desembarquedomestico2009.html

Ismailon Moraes

Viaja Mais Melhor Idade fecha 2009 com 180 mil pacotes vendidos


O turismo da melhor idade obteve bons resultados em 2009. De março a dezembro, foram vendidos 180 mil pacotes do programa Viaja Mais Melhor Idade. O destino mais procurado foi Caldas Novas. A cidade goiana foi procurada por suas fontes termais, ideais para quem deseja relaxar o corpo e a mente.

A capital cearense foi o terceiro destino mais procurado e a cidade com o maior número de meios de hospedagem cadastrados no programa, com 73 hotéis que oferecem diárias pela metade do preço para hóspedes com mais de 60 anos e seus acompanhantes.

Entre os dez destinos mais procurados pela melhor idade até novembro de 2009 estão algumas cidades pouco usuais nas rotas turísticas comuns. A cidade de Gravatal, por exemplo, ficou em sexto lugar. A cidade catarinense também é famosa por suas águas aquecidas, que estão localizadas na Estância de Águas Hidrominerais e captadas in natura pelos hotéis da região.

Outro destino curioso é a cidade de Itapema, também em Santa Catarina. Conhecida como a princesinha do Atlântico Norte, a cidade ficou em nono lugar. Itapema está a 60 km de Florianópolis, e por essa proximidade, fica bem cheia no verão. Nas baixas temporadas, porém, a cidade oferece uma atmosfera sossegada e pacífica, perfeita para abrigar o programa Viaja Mais Melhor Idade.

Em décimo lugar, está a pacata cidade de Lins (SP). Com 73 mil habitantes, a cidade paulista é procurada por abrigar um parque aquático com águas termais e o Porto Turístico de Lins, praia localizada às margens do Rio Dourado que oferece toda a infra-estrutura necessária para a prática de esportes náuticos.

fonte:http://www.jornaldeturismo.com.br/noticias/governo/30088-viajamais2009.html

Ismailon Moraes

850 jovens qualificados pelo TSI em 2009


Defesa dos direitos das crianças e adolescentes, desenvolvimento sustentável e responsabilidade social. Seguindo esses princípios, o programa TSI (Turismo Sustentável e Infância) fecha 2009 com 850 jovens, que se encontravam em situação de vulnerabilidade social, qualificados em cursos na área de turismo como camareira, mensageiro, garçom, auxiliar de cozinha e recepcionista.

Os jovens participaram do Projeto Inclusão Social com Capacitação Profissional, criado em 2007, voltado a pessoas de 16 a 26 anos com renda familiar igual ou inferior a um salário mínimo. Entre os destinos beneficiados estão Fortaleza (CE), Recife, Ipojuca, Olinda e Cabo de Santo Agostinho (Pernambuco), Santos, Guarujá e São Vicente (São Paulo) e João Pessoa, Conde, Santa Rita, Bayeux e Cabedelo (Paraíba).

O TSI, criado e gerido pelo Ministério do Turismo, trabalha a prevenção e o enfrentamento da exploração sexual de crianças e adolescentes nos segmentos do turismo. Em três anos, o programa conta com 530 agentes locais formados, 128 seminários realizados, 1,5 mil pessoas sensibilizadas entre seminários e workshops e 3,85 milhões em material de campanhas de comunicação distribuídos em eventos em todo país como o carnaval.

Atualmente, 100 jovens com necessidades especiais de São Paulo (SP) estão em processo de formação para as atividades turísticas locais. Outros 300 jovens de Fortaleza (CE) participam de formação para atividades culturais e desenvolvimento do turismo na cidade.

Internacionalmente, o TSI faz parte do Comitê Executivo da Força Tarefa para a Proteção de Crianças no Turismo da OMT (Organização Mundial do Turismo) e do Grupo de Ação Regional das Américas para a Proteção de Crianças e Adolescentes em Viagens e Turismo.

E, ainda, é parceiro do The Code – organização para o Código de Conduta no Turismo vinculada à OMT e ao Unicef (Fundo das Nações Unidas para a Infância) – e da Ecpat International, uma rede de organizações que trabalha para a eliminação da prostituição e pornografia infantil e do tráfico de crianças e adolescentes para fins sexuais.

fonte:http://www.jornaldeturismo.com.br/noticias/governo/30089-jovenstsi2009.html

Ismailon Moraes

Alagoas recebeu quase um milhão de passageiros até novembro


A alta temporada brasileira começou no último dia 20, com expectativa de 90 a 100% de ocupação nos hotéis. E, até a data, quase um milhão de passageiros desembarcaram no Aeroporto Zumbi dos Palmares. Os dados foram divulgados pela Infraero nesta terça-feira, 29, com crescimento expressivo de 16,5% para o fluxo nacional em Alagoas.

Chegaram a Maceió, de janeiro a novembro deste ano, 986.444 passageiros em voos nacionais, contra 846.796 no mesmo período de 2008. Conforme vem acontecendo ao longo do ano, esse aumento superou a média brasileira, que teve aumento de 13,4%.

O fluxo total (voos nacionais e internacionais) para Alagoas teve aumento de 15%, com 999.039 passageiros desembarcados no Aeroporto Zumbi dos Palmares, um recorde histórico. Em 2006, a média era de 700 mil passageiros, nos anos seguintes, de 2007 e 2008 a média chegou a 850 mil. O crescimento também se manteve acima da média nacional, que ficou em 11,5%.

Para o secretário de Turismo de Alagoas, Virginio Loureiro, Alagoas tem muito a comemorar, pois a expectativa para a temporada até o Carnaval, é que mais 250 mil turistas cheguem a Maceió. “Ultrapassaremos, em dezembro, a marca de 1,1 milhão de passageiros, um fato histórico para o turismo alagoano”, destaca Loureiro.

Segundo o secretário, esse aumento se deve à captação de novos voos para Maceió e a ampla divulgação que o Estado vem realizando em todo o Brasil e outros países, como Itália, Argentina e Chile. “Nós captamos importantes voos, tantos nacionais como internacionais, que irão aumentar ainda mais o fluxo de passageiros até março”, ressalta Loureiro.

O fluxo internacional, de janeiro a novembro, teve queda no Brasil e em Alagoas. A média brasileira de voos internacionais teve decréscimo de quase 3%, e Alagoas manteve queda de 41%. Apesar disso, o desembarque internacional terá um aumento entre dezembro e março, com três voos semanais da Itália e um voo da Argentina e outro do Chile, que chegarão a Maceió.

fonte:http://www.jornaldeturismo.com.br/noticias/nordeste/30093-alagoasnovembropasageiros.html

Ismailon Moraes

Argentina passa a cobrar taxa de países que exigem visto


De acordo com a Nota nº 0111/09, de 18/12/2009, expedida pela Direção Nacional de Imigrações da Argentina, desde esta segunda-feira, o governo local passou a cobrar taxa de desembarque dos passageiros oriundos de países que atualmente exigem visto dos cidadãos argentinos.

Numa primeira etapa, serão taxados apenas cidadãos da Austrália, do Canadá e dos Estados Unidos que desembarcarem no Aeroporto Internacional Ministro Pistarini/Ezeiza. Estes últimos pagarão uma quantia em pesos argentinos equivalente a U$ 131, valor igual ao que os argentinos desembolsam para a emissão do visto norte-americano. A taxa é válida para múltiplas entradas durante dez anos a partir do primeiro ingresso no país. Já canadenses e australianos pagarão U$ 70 (válido por apenas uma entrada).

Caso o passageiro não tenha fundos para efetuar o pagamento (em pesos argentinos, dólares norte-americanos ou cartão de crédito), será considerado como inadmitido e deverá ser embarcado de volta ao seu país de origem pela companhia aérea que o transportou.

fonte:http://www.jornaldeturismo.com.br/noticias/geral/30099-argentina-taxa.html

Ismailon Moraes

Santa Catarina deve receber 20% de turistas a mais este verão


Santa Catarina é destino garantido para turistas de todos os lugares, e eles deverão estar em peso no Estado nesta temporada. A Abav-SC (Associação Brasileira de Agências de Viagens de Santa Catarina) projeta que a presença de turistas seja 20% maior em comparação com o verão passado. Segundo o presidente da entidade, Eduardo Loch, não é só o crescimento no setor que está aumentando, a qualidade do turista que chega está cada vez melhor.

A procura pelo Estado para as festas de fim de ano é tão grande que os principais hotéis catarinenses estavam com 70% de suas vagas reservadas já em novembro. “Santa Catarina é um produto que se compra com certa antecedência. Alguns turistas que deixam para última hora acabam desembolsando mais e parando em cidades onde ainda há hotéis disponíveis” enfatiza Loch.

Em Florianópolis e em Balneário Camboriú, os destinos mais procurados, restam poucas opções na rede hoteleira. Cerca de 95% da ocupação já está preenchida nestas cidades.

fonte:http://www.jornaldeturismo.com.br/noticias/sc/30101-santa-catarina-deve-receber-20-de-turistas-a-mais-este-verao.html

Ismailon Moraes

Governo cria três novas estâncias turísticas no Pará


O Diário Oficial do Estado publicou nesta terça-feira as sanções das leis que tornam os municípios de Juruti, Igarapé-Açu e Vitória do Xingu estâncias turísticas do Pará. Aprovando as leis, a governadora Ana Júlia Carepa define como o Estado deve investir no desenvolvimento dessas cidades, podendo definir projetos a partir de sua vocação natural.

De acordo com a gerente de infraestrutura turística da Paratur (Companhia Paraense de Turismo), Thais Medeiros, a lei estadual 5.770, de 1993, cria três estâncias de classificação dos municípios paraenses: hidromineral, climática e turística. Depois de uma avaliação técnica, o município é classificado e o Estado pode investir, através de seu planejamento e a partir da classificação, no seu desenvolvimento em parceria com a prefeitura.

O município Juruti possui uma população estimada de 38 mil habitantes e está situado à margem direita do rio Amazonas, numa área de 8.342 quilômetros quadrados, a 848 quilômetros de distância da capital, Belém. Para chegar a Juruti partindo-se de Santarém, são necessárias 12 horas de viagem por via fluvial ou ainda 30 minutos por via aérea e quatro horas de ônibus. De Belém, são quatros dias de navio e uma hora de avião.

Entre suas belezas naturais estão os lagos Jará e Preto, além das belas praias de Juruti Velho. O famoso Festival das Tribos, que acontece no mês de setembro, integra o patrimônio cultural da cidade, que também está entre suas atrações turísticas.

Igarapé-Açu corresponde à denominação do subafluente do rio Marapanim, que banha o distrito-sede do município e que, em língua Nheegatu, significa "grande caminho das canoas". Grande parte de suas atrações turísticas está nas belezas naturais de suas praias e igarapés. Mas também é forte a tradição das festas religiosas, cujo calendário se inicia em janeiro com a Festa de São Sebastião, o santo padroeiro do município.

Há apresentações de Bois-Bumbás e Carimbó. O artesanato local é de caráter utilitário, havendo alguma produção de móveis e peças de crochê. A igreja e a praça de São Sebastião são partes do patrimônio histórico da cidade, que tem pouco mais de 35 mil habitantes.

Vitória do Xingu tem população estimada em mais de 10 mil habitantes. Fica localizada a sudoeste da capital, Belém. Banhada pelo rio Xingu, possui várias praias fluviais e é bom para a pesca. De setembro a novembro, o ocorre o VIT - Sol, um festival de verão que reúne cerca de 10 mil pessoas de todo o Brasil para celebrar, com música e desfiles de verão, as praias mais bonitas do rio Xingu.

fonte:http://www.jornaldeturismo.com.br/noticias/estados/30102-estanciasturpara.html

Ismailon Moraes

São Paulo é referência no turismo de compras


A cidade de São Paulo recebe a cada ano 11 milhões de turistas, motivados por negócios, grandes eventos e pelas opções de lazer e entretenimento. Nesta época que marca o fim de ano, a programação natalina e atrações culturais e turísticas trazem mais de dois milhões de visitantes.

A capital paulista recebe a cada ano 11 milhões de visitantes, motivados principalmente por negócios, pelos grandes eventos e pelas opções de lazer e entretenimento que a cidade oferece.

Mas quem chega a São Paulo encontra também um paraíso de compras: são cerca de 240 mil lojas distribuídas em todas as regiões da Cidade e concentradas nos 77 shopping centers, nas 59 ruas de comércio especializado e nos chamados minishoppings - centros comerciais instalados em diversos bairros da Capital.

Como a maior cidade do hemisfério Sul, São Paulo atende desde quem procura o consumo de luxo, em endereços como a rua Oscar Freire - uma das dez vias mais luxuosas do mundo -, a alameda Gabriel Monteiro da Silva e shoppings como o Iguatemi, o Cidade Jardim e o Vila Olímpia; até quem vem atraído pelo comércio popular do Bom Retiro, do Brás e da região da rua 25 de Março, o maior shopping a céu aberto da América Latina.

A localização pulverizada e a facilidade de acesso aos pontos comerciais são outros fatores que impulsionam o segmento, a exemplo dos shoppings localizados em regiões afastadas do Centro e em estações de metrô e dos endereços temáticos, como a rua São Caetano, das noivas, os equipamentos eletrônicos de Santa Efigênia

fonte:http://www.jornaldeturismo.com.br/noticias/sp/30108-sp-compras.html

Ismailon Moraes

segunda-feira, 28 de dezembro de 2009

Prefeitura proporcionará uma grande programação


A prefeitura de Parnaíba, através da Secretaria de Turismo e o Governo do Piauí, por intermédio da Secretaria Estadual de Turismo, estão preparando um reveillon na praia da Pedra do Sal, que deverá marcar a virada do ano e proporcionará aos turistas e parnaibanos uma grande programação distribuída em quatro dias entre atrações artísticas e atividades esportivas. Um show pirotécnico terá duração aproximada de dez minutos e, segundo Carlos Vinícius, secretário municipal de turismo, cores e outras novidades deverão marcar o show. Ainda segundo Vinícius, a programação conta com a participação de artistas da terra e outras grandes atrações como a banda Madeirada, da Bahia e Gargamel e Banda, vinda do Maranhão.

Confira a Programação do Reveillon da Pedral

Dia 31/12/2009 – Quinta-feira
1ª – de 21h às 23h – Fueiro de Kenga
2ª – de 23h às 01h – Teófilo e banda
3ª – de 01h às 03h – Madeirada (BAHIA)
3ª – de 02:30h às 04h – Guitar Band

Dia 01/01/2010 – Sexta-feira
1ª – de 21h às 23h – Creidstone
2ª – de 23:30h às 02h – Gibão de Couro
3ª – de 02:30h às 04h – Paulinho Parnaíba e banda Giramundo

Dia 02/01/2010 – Sábado
1ª – de 21h às 23h – Desfalk
2ª – de 23:30h às 02h – Gargamel e Banda ( Maranhão)
3ª – de 02:30h às 04h – Cabesativa

Dia 03/01/2010 – Domingo
1ª – de 17h às 19h – Retrovisor
2ª – de 19:30h às 21h – Besouros da Silva
3ª – de 21:30h às 23h - Bugiganga
4ª – de 23h às 01h – Ras Mandu

Ingressos arena : 1 Kg de alimento / Camarotes: (86) 3322.1328

fonte:http://180graus.brasilportais.com.br/parnaiba

Ismailon Moraes

Especial Vídeos Promocionais de vários Estados do Brasil

Vídeos produzido para destacar as belezas de cada destino do País, com o objetivo de incentivar o público brasileiro a viajar pelo Brasil.

Piauí


Rio Grande do Norte


Pará


Sergipe


Mato Grosso do Sul


Minas Gerais


Bahia


Maranhão


Tocantis


Goiás


Paraná


Santa Catarina


Paraíba


Brasília


Espírito Santo


Rio Grande do Sul


Alagoas



Pernambuco


Amazonas


fonte:http://www.turismo.gov.br/turismo/multimidia/galeria_videos/videos_estados_brasileiros.html

Ismailon Moraes

Oscar, o cachorro que viajou pelos cinco continentes


Muitas pessoas apenas sonham em conhecer o mundo, mas para um cachorro isto é realidade. Neste ano o cão Oscar viajou pelos cinco continentes, 29 países e parou em todos os lugares para tirar uma foto, da Torre Eiffel ao Cristo Redentor.

Há cinco anos Oscar foi resgatado de um canil na África do Sul pela britânica Joanne Lefson. Em maio deste ano os dois começaram uma viagem ao redor do mundo. A viagem de seis meses custou £250 mil, que Joanne financiou com a venda de sua casa. Com o obejtivo de inspirar outras pessoas a adotarem cachorros abandonados, a dupla distribuiu cerca de 15 mil coleiras para cães carentes.

fonte:http://spintravel.blogtv.uol.com.br/2009/12/23/oscar-o-cachorro-que-viajou-pelos-cinco-continentes

Ismailon Moraes

Igreja Católica promove cruzeiro pela costa brasileira


A Igreja Católica e uma operadora de turismo local promovem para o mês de fevereiro a realização do primeiro cruzeiro evangelizador, que percorrerá a costa do país entre as cidades de Santos e Armação dos Búzios.

O navio Grand Celebration, com capacidade para 1.800 pessoas e 600 tripulantes, realizará durante quatro dias o primeiro cruzeiro católico "Navegando com Nossa Senhora", como foi denominada a viagem de peregrinação.

A viagem será alegrada com espetáculos musicais do padre Fábio de Melo. A atriz e cantora Myriam Rios será outra das artistas convidadas para o cruzeiro e a encarregada de realizar uma série de orações coletivas.

Por R$ 2.404, cada viajante terá direito a serviços de cabeleireiro, massagens, jogos, coquetéis e algumas bebidas alcoólicas oferecidas no pacote.

A arquidiocese de Campinas, uma das organizadoras do cruzeiro, estendeu convites a vários bispos brasileiros e ao núncio apostólico, Lorenzo Baldisseri, representante do Vaticano no Brasil.

fonte:http://www1.folha.uol.com.br/folha/turismo/noticias/ult338u671777.shtml

Ismailon Moraes

Estrangeiros podem regularizar sua situação no Brasil até o próximo dia 30


Termina no próximo dia 30 o prazo para que estrangeiros em situação irregular no Brasil obtenham a concessão de residência provisória no país. Por meio do decreto presidencial 6.893, os imigrantes que entraram no país até primeiro de fevereiro de 2009 serão beneficiados pela medida, que vale tanto para quem chegou legalmente, mas ficou por período maior que o concedido no visto de entrada, quanto para quem cruzou a fronteira na clandestinidade.

Para requerer a anistia, basta que o interessado procure uma unidade da Polícia Federal até o dia 30 com o requerimento de registro preenchido e com os documentos necessários.

Em caso de dúvidas o requerente pode entrar em contato com a Central de Atendimento da SNJ pelo telefone (61) 2025-3232 ou pelo e-mail: estrangeiros2009@mj.gov.br.

fonte:http://www.mercadoeeventos.com.br/script/FdgDestaqueTemplate.asp?pStrResolucao=1024&pStrLink=3,29,0,52843&IndSeguro=0

Ismailon Moraes

Bahia registra hotéis lotados no Réveillon em Salvador e Porto Seguro


O movimento de turistas esperado para o réveillon em Salvador deve superar o registrado em 2008 e a expectativa é que a taxa de ocupação nos principais estabelecimentos da cidade fique acima de 90%. De acordo com o presidente do Sindicato de Hotéis de Salvador, Silvio Pessoa, os estabelecimentos da Rede Sol terão 100% dos apartamentos ocupados para a virada do ano. "Isso deve se refletir nos demais hotéis de luxo da cidade", informa.

Outra cidade com 100% de ocupação garantida é Porto Seguro, na Costa do Descobrimento. A Secretaria de Turismo local estima que 100 mil pessoas curtam a virada na Passarela do Álcool e Arraial D’Ajuda.

Para o secretário de Turismo do Estado, Domingos Leonelli, a grande procura do Réveillon vai se repetir durante o verão. "Este ano, a Bahia foi apontada como o destino turístico preferido dos brasileiros em pesquisa feita pelo Ministério do Turismo/Vox Populi, o que deve nos favorecer ainda mais", acrescenta.

fonte:http://www.mercadoeeventos.com.br/script/FdgDestaqueTemplate.asp?pStrResolucao=1024&pStrLink=3,35,0,52846&IndSeguro=0

Ismailon Moraes

Rede Intercity expande atuação no nordeste com novo estabelecimento em João Pessoa


A capital da Paraíba, João Pessoa, é a nova aposta estratégica do plano de expansão da Rede InterCity de Hotéis. Com a inauguração em janeiro de 2010 do Hotel InterCity Premium João Pessoa, a expectativa da rede é incrementar em 10% os negócios, que contam com 14 empreendimentos em seis estados brasileiros e faturamento médio de R$ 60 milhões/ano, para uma ocupação de 70%, aproximadamente.

A escolha de João Pessoa se deu devido à sua beleza, segurança e proximidade de locais de interesse do mercado nacional. A duplicação da BR-101, principal estrada da região, tornará João Pessoa um local estratégico para quem circula na área, além de ser um importante pólo comercial, de serviços e industrial, com empresas de diversos segmentos.

Para gerenciar Hotel InterCity Premium João Pessoa, a rede anuncia a chegada do executivo Marcelo Pretti, vindo de São Paulo com a experiências em empresas de grande expressão no mercado hoteleiro.

fonte:http://www.mercadoeeventos.com.br/script/FdgDestaqueTemplate.asp?pStrResolucao=1024&pStrLink=3,28,0,52847&IndSeguro=0

Ismailon Moraes

Turistas aproveitam calor no litoral sul de SP


Termômetros registraram cerca de 36° no último fim de semana. Na areia, a sensação térmica era de 40°C. Turistas lotaram as praias e muitos pretendem passar o Ano Novo no litoral.

Temporada de cruzeiros marítimos movimentam porto de Santos


Terminal de passageiros registrou recorde de passageiros, com mais de 24 mil pessoas embarcando e desembarcando no local. Turistas estão ansiosos para passar o Réveillon em alto-mar.

fonte:http://videos.r7.com/temporadas-de-cruzeiros-maritimos-movimentam-porto-de-santos/idmedia/fa17d36bb8a1651c993f6699a741720c.html

Ismailon Moraes

sábado, 26 de dezembro de 2009

A estimativa é que 100 mil pessoas passem pelas praias do litoral neste fim de ano


Por um lado se comemora a mudança no perfil do piauiense que está preferindo conhecer as belezas do Estado a ir para outros destinos nas férias. Contudo surge a preocupação com um dos pontos que mais deve ser procurado neste réveillon, a praia de Barra Grande.

O local faz parte do município de Cajueiro da Praia e é destino cada vez mais solicitado por turistas do Piauí e Ceará, e segundo o secretário de Turismo Sílvio Leite é preciso redobrar a atenção por conta da infraestrutura que ainda é precária e por ser uma área de proteção ambiental, principalmente porque lá terá um grande evento na virada do ano, e agora com a conclusão do aeroporto de Parnaíba o fluxo vai aumentar.

As providências quanto a abastecimento de água, energia e segurança o governo entrou em contato com as prefeituras para que cuidem da limpeza. Outro problema sério é a quantidade de animais nas estradas. Foi solicitado a todos os prefeitos das cidades cortadas pela BR-343, que leva ao litoral, que providenciassem a retirada, já que é dever municipal.

fonte:http://www.portalcostanorte.com/v1/editorias/Cidade/100871.html

Ismailon Moraes

O que fazer com o bicho no fim de ano?

Hotéis para animais são boas opções para quem vai viajar

Muitas pessoas ficam preocupadas em viajar e deixar os animais de estimação sozinhos. Uma opção são os hotéis que hospedam animais.


Ismailon Moraes

Com R$ 7,00 por pessoa, Igreja quer reformar Cristo no Rio


Uma campanha nacional elaborada pela Arquidiocese do Rio de Janeiro pretende arrecadar dinheiro para reformar a estátua do Cristo Redentor, que fica no alto do Morro do Corcovado, dentro do Parque Nacional da Tijuca. Vistoria técnica detectou que serão necessários aproximadamente R$ 7 milhões para recuperar o monumento, que recebe mais de 2 milhões de visitantes por ano. Quem doar R$ 7 para a campanha "Eu sou de Cristo" receberá, como agradecimento, um broche dourado com a imagem em miniatura da estátua.

"A construção do Cristo Redentor só aconteceu porque fiéis fizeram doações na década de 20, atendendo ao apelo de uma grande campanha popular. Por isso, clamamos novamente o povo para que coopere, para que possamos fazer obras de manutenção. Há um desgaste muito grande no material, uma vez que fica a céu aberto, a 710 metros de altitude, sofrendo as avarias provocadas pela chuva e pelo sol. A imagem vai ser ainda mais visitada em função da Copa do Mundo de 2014 e dos Jogos Olímpicos de 2016", afirmou o padre Omar Raposo, reitor do Santuário Cristo Redentor.

Neste ano foi feita uma reforma de emergência que custou R$ 1,5 milhão, valor dividido entre a Arquidiocese e o Ministério do Turismo. Foram trocados os para-raios, que haviam sido danificados durante uma tempestade, foi feita também a impermeabilização interna da imagem e a troca do piso que fica em torno do monumento. Agora é necessário fazer a manutenção da estátua, que é de concreto e revestida com pedra-sabão.

É preciso também fazer a proteção interna da estrutura do corpo da imagem e a recolocação de parte do revestimento externo e tratamento. A reforma inclui melhoraria na sinalização do entorno e nas informações aos turistas. As doações podem ser feitas em qualquer uma das 252 paróquias da Arquidiocese de São Sebastião do Rio de Janeiro. Mais informações sobre a campanha podem ser conseguidas no site www.soudecristo.org.br. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

fonte:http://viagem.uol.com.br/ultnot/agencia/2009/12/25/ult4597u1037.jhtm

Ismailon Moraes

Em SP , 40 das 155 praias estão impróprias para banho


Boletim da Companhia de Tecnologia de Saneamento Ambiental (Cetesb) aponta que 40 das 155 praias fiscalizadas de São Paulo estão impróprias para banho. Na Baixada Santista, é preciso ter cuidado nos municípios de Praia Grande e Mongaguá, ambas com alto índice de praias poluídas. Já nas cidades de Itanhaém e Peruíbe as praias estão em boas condições para banho.

O bom resultado também foi constatado no litoral sul, em Iguape e Ilha Comprida. No litoral norte, a cidade de Ubatuba concentra a maior parte das praias limpas. Apenas três das 26 vistoriadas pela Cetesb estão impróprias. Em São Sebastião, cinco das 29 praias foram vetadas pelo órgão. Em Ilhabela, oito estão em ótimo estado e cinco, poluídas. Já em Caraguatatuba, das 15 praias vistoriadas, duas ainda precisam melhorar as condições.

fonte:http://noticias.uol.com.br/ultnot/agencia/2009/12/25/ult4469u50771.jhtm

Ismailon Moraes

Boa, bonita e mais barata do que outras capitais do Nordeste, Maceió é generosa


Bom, bonito e mais barato do que as outras famosas capitais do Nordeste. Assim é Maceió, destino generoso, que franqueia suas principais atrações sem abalos sísmicos nos gastos da viagem e ainda incentiva os visitantes a conhecer boa parte de Alagoas. Ninguém visita Maceió sem sair da cidade por um ou mais dias.

A beleza da capital se revela no marzão verde fazendo a moldura de quilômetros de calçadão, nas praias de Pajuçara, Ponta Verde e Jatiúca, as mais freqüentadas. Nos meses de verão, com céu sem nuvens e pouco vento, a água fica tão transparente que parece ser iluminada por baixo. Completam o cartão-postal aqueles coqueiros de troncos inclinados em ângulos improváveis, de tão agudos. Esculturas gigantes que o vento foi entortando, e a natureza concordou em deixar assim, para as fotos.

Em Maceió, sorvetes custam centavos, caipirinhas têm preço de cerveja e as tapiocas dos quiosques, fartas, valem por um almoço rápido. Por alguns trocados, caldinhos de sururu e camarão aquecem o corpo antes do forró ou de longas caminhadas pela orla. Na hora de escolher as lembranças da viagem, os preços nas feiras de artesanato convidam a levar peças com a renda filé para mais pessoas da família.

Os chamados "superdescontos" nos passeios ao sul e ao norte de Maceió -praia do Francês, foz do rio São Francisco e galés de Maragogi, por exemplo- criaram a cultura do movimento constante entre os turistas. As agências locais chegam a oferecer três pacotes, de um dia cada, pelo custo de dois. Às vezes, a facilidade para partir de van e mergulhar numa praia a 80 km do hotel vira maratona. Existem até passeios de um dia para Recife e Olinda, a 260 km de distância, o que é um desperdício, considerando o tamanho e a importância histórica das duas cidades pernambucanas.

Quem resiste bravamente aos apelos e decide permanecer na capital tem boas opções para preencher manhãs, tardes e noites. A fim de conhecer as piscinas naturais da praia de Pajuçara, é bom checar o horário da maré baixa já no café da manhã. Ela surge com precisão cirúrgica nos jornais locais: será às 9h37min, ou às 12h09min, o que significa a hora ideal para estar chegando por lá, a 2 km da orla, no embalo da jangada.

Marés baixas de 0,1 m até 0,3 m são as mais convidativas. Os guias falam em 'maré zero dois' como se a medida fosse de compreensão universal... 'zero dois' ou 0,2 m no ponto mais baixo pode significar água pelos joelhos, a chance de sentar na areia em alto-mar, a exposição completa dos delicados bancos de corais, que abrigam os peixes e ainda filtram a água das impurezas. Piscina, em Alagoas, quer dizer água rasa, transparente, para nadar e mergulhar sem medo das ondas e da correnteza.

Seguindo o roteiro aquático, a gigantesca lagoa Mundaú merece uma tarde inteira, para percorrer as suas ilhas e manguezais de barco e ainda curtir o pôr-do-sol na companhia das rendeiras, artesãos e pescadores do Pontal da Barra.

Capitais como Recife e Salvador são mais bem servidas de museus modernos e igrejas barrocas do que a capital de Alagoas. Mas em anos recentes a novidade dos museus e monumentos à beira-mar, em pleno calçadão, conseguiu aproximar a história do Brasil dos banhistas de Maceió.

A partir do final da tarde, quando o horizonte até então azul ou verde ganha tons alaranjados, os calçadões da orla de Maceió revelam as suas vantagens em relação a praias urbanas de vários pontos do país. Eles são largos, com trechos de grama, pracinhas, ciclovias, pista para corrida, e abrigam barracas e restaurantes de gastronomia diversificada, não apenas as bebidas e lanches dos quiosques. É possível programar um jantar completo, com iluminação romântica e música ao vivo, na companhia permanente do mar.

Os moradores aconselham evitar o mês de agosto para viagens de lazer a Maceió. Venta demais, o que prejudica passeios de barco e de jangada. De maio a agosto, chuvas e ressacas podem turvar a água, que se revela mais cristalina no auge do verão, de dezembro a fevereiro.

Em Maceió vivem cerca de 890 mil habitantes, ou quase um terço da população do Estado. Alagoas tem um dos menores PIB per capita do país, o que se reflete nas altas taxas de mortalidade infantil e de analfabetismo. Os preços em conta não são uma gentileza da indústria do turismo, mas também um espelho do que a população pode pagar quando vai à praia.

Aproveite os serviços das vans e ônibus dos receptivos: eles oferecem deslocamentos seguros e rápidos, numa região com raras rodoviárias. Quem viaja com duas ou mais pessoas pode negociar passeios mais privativos com os taxistas, com horários flexíveis rumo a São Miguel dos Milagres, Japaratinga ou Maragogi, esta já perto de Pernambuco. Nas rodovias da Costa Dourada, o mar compete com os quilômetros de canaviais para ver qual dos dois é mais verde.

fonte:http://viagem.uol.com.br/guia/cidade/maceio_index.jhtm

Ismailon Moraes

Perspectivas 2010: trade revela otimismo em relação ao novo ano


Eduardo Sanovicz e outras autoridades do setor afirmam que o ano de 2010 será positivo.

Depois de um ano marcado pela crise econômica mundial e gripe suína, o que afetou diretamente várias vertentes do turismo, o trade se mostra, de maneira geral, bastante otimista em relação à 2010. Em entrevista ao MERCADO & EVENTOS, autoridades do setor afirmam que o próximo ano tende a ser positivo e esperam a retomada do crescimento. Confira algumas opiniões:

"Eu estou bastante otimista em relação ao setor hoteleiro principalmente em função do aquecimento da economia favorecido pelas medidas do governo. Isso ajudou bastante o nosso setor e as perspectivas para esta temporada de verão são as melhores possíveis, principalmente em relação ao turismo doméstico dado o bom momento que vive o Rio de Janeiro. Se o governo cumprir a promessa de abrir novas linhas de financiamento com juros mais acessíveis isto vai nos beneficiar ainda mais. A própria rede Othon já iniciou um planejamento de reforma de suas unidades". Álvaro Bezerra de Mello, presidente da ABIH Nacional e do Conselho da Rede Othon.

"Para 2010, o dólar baixo incentiva o brasileiro a viajar para o exterior. Não havendo crise econômica nem gripe suína as perspectivas são ótimas. O que ainda ficou faltando sem sobra de dúvida é o PL 5.120/2001 e o aspecto da DU com as companhias aéreas, que deveriam ter entendido essa questão melhor. Mas vamos continuar conversando sobre isso e acho que as coisas tendem a se resolver nesse ano que começa." Carlos Alberto Amorim, presidente da Abav Nacional.

"Estamos analisando os primeiros dados sobre a recuperação econômica do Brasil, que apontam um 2010 bastante propício aos projetos relacionados a economia interna. Isso nos anima a seguir assumindo os desafios que manter a qualidade dos eventos que produzimos, gerando retornos expressivos para nossos clientes, em mais de 20 setores de atividade econômica, nos impõe." Eduardo Sanovicz, diretor da Reed Exhibitions Alcantara Machado.

"A CVC está com expectativas excelentes para 2010. O crescimento do PIB brasileiro trará muitos benefícios para o turismo. Estamos esperando que a empresa consiga um crescimento de até 20% no ano que vem. Além disso, estamos focando cada vez mais no mercado interno, com fretamentos de lugares diferentes, como Uberlândia, Goiânia, Brasília e interior de São Paulo". Guilherme Paulus, presidente do Conselho da CVC.

"O ano para o setor de conventions tem expectativa de um crescimento positivo. Temos pela frente uma oportunidade fantástica em função da captação de mega eventos como a Copa do Mundo em 2014 e as Olimpíadas em 2016 e isso deve refletir diretamente em todos os setores do turismo e também na economia pois a imagem do país estará sendo projetado mais amplamente a partir de agora no exterior. Temos que ter sim que ter estratégias e de promoção pois somos a bola da vez". João Moreira, presidente da Confederação Brasileira de Conventions & Visitors Bureau.

"Estamos otimistas com 2010, pois já notamos a recuperação do mercado de aviação desde setembro deste ano. É importante lembrar que, historicamente, nosso mercado cresce na proporção de duas a três vezes a taxa de expansão do PIB". Paulo Castello Branco, vice-presidente Comercial e de Planejamento da Tam Linhas Aéreas.

fonte:http://www.mercadoeeventos.com.br/script/FdgDestaqueTemplate.asp?pStrResolucao=1280&pStrLink=3,29,0,52827&IndSeguro=0

Ismailon Moraes

Estados ficam sem recursos da verba descentralizada da Embratur para promoção


Com a decisão do Congresso Nacional de não incluir na pauta, durante a última sessão do ano, realizada dia (22/12) o pedido de solicitação de verba suplementar da Embratur, no valor de R$ 40 milhões, parte do programa de promoção internacional e a verba descentralizada dos estados ficam inviabilizados. Como o Poder Legislativo entrou em recesso o pedido não tem mais chance de ser votado.

Ao ser comunicada da decisão a presidente do Fórum Nacional de Secretários e Dirigentes Estaduais de Turismo (Fornatur), Nilde Brun, se mostrou surpresa e preocupada com a decisão. "Eu não acredito que isso seja verdade. É lamentável, ainda mais porque muitos estados dependiam diretamente destes recursos para produção de folheteria e ações de promoção no exterior no início do próximo ano". A dirigente manifestou sua esperança de que a Embratur e o Ministério do Turismo
encontrem uma outra alternativa para obtenção dos recursos.

Quem também contava como certa a aprovação da verba suplementar era a presidente da Embratur, Jeanine Pires. Na semana passada, durante o lançamento do Plano Aquarela 2010/2020, no Rio de Janeiro, ela manifestou sua expectativa da aprovação do pedido. "Sempre conseguimos aprovar este pedido de suplementação e este ano o valor chegou a ser reduzido em função da queda na arrecadação de impostos", explicou.

A decisão do Congresso de excluir da pauta de votação o pedido da Embratur trouxe surpresa e decepção junto ao setor, uma vez que 26 pedidos de crédito suplementar foram votados na noite de ontem e aprovados, totalizando a liberação de recursos na ordem R$ 10,2 bilhões, ainda relativos ao Orçamento de 2009.

Com esta decisão, o Congresso segue na contramão do programa de promoção e comercialização do Brasil no exterior, prejudicando boa parte do planejamento de divulgação por parte dos estados. Ao contrário de outros setores da economia, a indústria do Turismo, que representa o quinto item na pauta de exportações da Balança de Pagamentos, uma vez mais é, por vontade política e falta de uma
articulação política maior dos responsáveis, colocada em segundo plano, prejudicando assim o planejamento com vistas à Copa de 2014 e as Olimpíadas em 2016.

fonte:http://www.mercadoeeventos.com.br/script/FdgDestaqueTemplate.asp?pStrResolucao=1280&pStrLink=3,29,0,52816&IndSeguro=0

Ismailon Moraes

Jeanine Pires quer focar ações da Embratur na imagem de um Brasil moderno


A Embratur recomeça em janeiro, durante a BTL - Bolsa de Turismo de Lisboa - suas ações de promoção e comercialização para 2010. Na opinião de sua presidente, Jeanine Pires é preciso reforçar as ações no sentido de desmistificar a imagem de um país exótico para mostrar um país de modernidade.

Para isso, a dirigente confirma que as ações de promoção e comercialização a serem implementadas a partir do próximo ano estarão concentradas em alguns destinos, com destaque para a América do Sul.

"Pela localização estratégia destes países estaremos realizando campanhas de promoção e divulgação na Argentina, Chile, Paraguai, Peru e Uruguai, mostrando toda nossa diversidade de atrativos. Já a partir de junho iniciamos uma campanha global já com foco maior de promoção das cidades sede da Copa de 2014", explicou.

Confira na edição do Mercado & Eventos da primeira quinzena de janeiro a entrevista completa onde a presidente da Embratur aponta os principais desafios e lembra que 88% do turismo internacional ainda chegam ao nosso país por via aérea.

fonte:http://www.mercadoeeventos.com.br/script/FdgDestaqueTemplate.asp?pStrResolucao=1280&pStrLink=3,29,0,52831&IndSeguro=0

Ismailon Moraes